Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8650
Title: ABORDAGEM de Ensino de Língua Inglesa Por Meio de Conteúdos e Formação de Professores: Apropriações, Possibilidades e Limitações Vitória
metadata.dc.creator: ALENCAR, J. G. C. C.
Keywords: CLIL;AECL;Formação de Professores;Crenças;
Issue Date: 17-Feb-2016
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: ALENCAR, J. G. C. C., ABORDAGEM de Ensino de Língua Inglesa Por Meio de Conteúdos e Formação de Professores: Apropriações, Possibilidades e Limitações Vitória
Abstract: Este trabalho tem como objetivo investigar as possibilidades, limitações e apropriações da Abordagem de Ensino de Conteúdos Diversos por meio da Língua (AECL, Content and Language Integrated Learning ou CLIL, na abreviação em inglês) (por exemplo, COYLE; HOOD; MARSCH, 2010) no ensino de inglês como língua adicional no atual contexto educacional brasileiro. Com este fim, o estudo analisa evidências de um curso de formação de professores de inglês de uma universidade federal do sudeste e crenças de professores em formação desse curso. A metodologia do estudo é de cunho híbrido, triangulando dados quantitativos e, predominantemente, qualitativos (DORNYEI, 2007) e baseada na pesquisa do tipo exploratória (GIL, 2002). A coleta de dados inclui busca documental, entrevistas e questionários aplicados aos alunos e à professora da disciplina de Estágio Supervisionado do curso investigado e a análise dos planos de aula produzidos pelos alunos dessa disciplina. A análise do curso indica que a AECL não está explicitamente incluída em seu currículo. As análises dos questionários e entrevistas sugerem que apesar dos benefícios da AECL, seu uso é visto pelos professores em formação como um enorme desafio no cenário educacional nacional, uma vez que exige uma demanda profissional atualmente incompatível com nossa realidade por pressupor a existência de profissionais de língua capacitados para o ensino de conteúdos diversos e o inverso. A análise das entrevistas mostrou que a produção de materiais baseados na AECL demanda maior tempo e investimento na formação e capacitação docente em geral e na língua especificamente. Finalmente, a análise dos planos de aula sugere uma intenção de apropriação da AECL nos planos de aula, embora os planos sejam ainda de natureza estrutural. De forma geral, os resultados do estudo sugerem que a AECL representa um potencial relevante para o ensino de línguas, mas que requer um maior investimento, traduzido na formação, qualificação e valorização docente em geral e do professor de língua estrangeira especificamente. O estudo sugere a implementação gradativa da AECL na educação básica brasileira em combinação com outras abordagens que podem ser usadas simultaneamente ou posteriormente à AECL, bem como a colaboração entre professores de línguas e professores de conteúdos diversos.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8650
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.